22/10/2010

Palavras




ESCREVENDO
ME ENCHERGO
PALAVRAS-ESPELHOS
A MINHA IMAGEM
NÃO TEM LIMITES
SOMENTE COR
ÁGUA COM TINTA
O RESTO É O RESTO
UM MUNDO MÍOPE
INDEFINIDO
AMORFO


PERTENCER
DAR SENTIDO
É SE ESPALHAR
MUDAR DE COR
COMO UM POLVO
MIMESIS
E NO RASTRO
JATO DE TINTA
TINTA COM ÁGUA

Nenhum comentário:

Postar um comentário